MELHOR CONVÍVIO

MELHOR CONVÍVIO

COMO MELHORAR O CONVÍVIO NA ESCOLA

 Muitos diretores e professores sentem-se desmotivados para tentar melhorar o convívio e diminuir ou acabar com a violência nas escolas.

Essa desmotivação é compreensível, tendo em vista as dificuldades

para se conseguir resultados nesse sentido.

O Programa Cinco Minutos de Valores Humanos para a Escola, desejando colaborar, procurou conhecer experiências

bem-sucedidas de algumas escolas e, tomando-as como base,

elaborou a seguinte sugestão:

 

SUGESTÃO

 

1 – Durante uma quinzena, destinar 5-7 minutos diários para cada turma, solicitando elaborarem ideias, ações e/ou regras de conduta que possam melhorar o convívio entre todos, alunos, professores, funcionários, etc.

Esse pequeno tempo será mais como um momento de envolvimento e motivação para eles pensarem e trocarem ideias entre si, em outros momentos. Dessa forma, a elaboração da campanha permanecerá ativa além do tempo em que estiver sendo discutida na sala de aula, gerando mais memória sobre a mesma.

As escolas que estiverem ministrando o Programa Cinco Minutos de Valores Humanos para a Escola, poderão, durante esse período, substituir essas aulinhas pela campanha do bom convívio.

As turmas que apresentarem sugestões que forem aceitas para o mural irão concorrer a um prêmio (V. item 4).

 

2 – Ao término da quinzena, as sugestões elaboradas pelos alunos são analisadas pela direção da escola e/ou pelos professores, que escolhem aquelas que devem compor o mural/manual de conduta para toda a comunidade escolar, a ser inaugurado com a presença de todos. O próprio mural poderá ser elaborado pelas turmas cujas idéias foram aceitas, sob a coordenação dos professores.

É muito importante convidar as famílias dos alunos para essa inauguração e a escola deve imprimir um folheto com esse manual, a ser distribuído para todos.

Todos devem ser incentivados a aderir à campanha e também a atuar como incentivadores e observadores de resultados da mesma.

OBS: É importante guardar os registros de todas as sugestões que vão compor o mural/manual, com o fito de premiação para as turmas que

as elaboraram. No item 4 apresentamos a confecção de um vídeo,

como sugestão de prêmio.

 

3 – No final do semestre a escola escolhe uma quinzena mais

adequada para acontecer uma avaliação dos resultados da campanha, que pode ser feita por toda a comunidade escolar, ou a critério da direção da escola.

 

4 - Uma forma de premiação muito interessante para as turmas cujas sugestões/idéias formarem o mural é a confecção, por eles próprios, de um vídeo sobre a campanha, enfatizando as idéias ganhadoras, com depoimentos sobre os resultados obtidos, podendo também os participantes fazer (nesse vídeo) apresentações artísticas.

Para a produção desse material a escola pode colaborar

proporcionando a logística necessária.

O vídeo em questão poderá ser exibido a todos os alunos, assim como, também, veiculado na Internet (youtube, etc.).

Observe-se que uma premiação como essa será muito atrativa para os alunos, e, além disso, deixará a campanha sempre no foco das atenções.

 

Essa campanha poderá ser sempre repetida, tornando-se parte das atividades escolares.

 

Esta é apenas uma ideia básica que as escolas poderão adaptar à sua realidade, enriquecendo-a.

  • Saara Nousiainen
Saara Nousiainen